Adilson revive polêmica e explica real motivo de ter barrado Danrlei no Grêmio

Chamado às pressas como um dos últimos trunfos do Grêmio para evitar o rebaixamento em 2003, Adilson Batista, com apenas 36 anos, topou o desafio de assumir o clube e não demorou muito a tomar uma drástica decisão: tirar o seu ex-colega e ídolo Danrlei do time titular.

Na reta final da campanha daquele Brasileirão, o então jovem Eduardo Martini assumiu a meta gremista. Danrlei não jogou mais e nos anos seguintes foi para Fluminense e Atlético-MG. Uma matéria do ClicRBS de novembro de 2003, às vésperas de um jogo contra o Vasco, traz uma declaração forte de Adilson sobre o arqueiro: “Atleta é assim, quando sai do time sempre fica emburradinho”.

À Rádio Gre-Nal, neste domingo, o técnico garantiu que a sua escolha foi em prol do time, “nada contra a pessoa” e que tomar decisões faz parte da vida de um comandante:

“Não teve nada. Estávamos em momento difícil, com dificuldades e você não pode manter. Se tiver mal, tem que sair. Já tirei atletas por não estarem bem. Entendo que é ídolo, que tem história. Mas vi naquele momento que estava com dificuldades, estava falhando. Achei que era importante mexer. O Martini entrou e nós saímos (do rebaixamento). Fiz pro bem do coletivo e da instituição. Nada contra a pessoa, já estivemos em eventos juntos. Lá no Cruzeiro, uma hora vão ter que tirar o Fábio. E não é nada contra ele. Futebol é momento, é assim. Foi assim com o Ceni, com o Waldir Peres, faz parte. Já estou vacinado sobre esse assunto”, minimizou.

Naquele ano de 2003, Adilson conseguiu tirar o Grêmio da Série B, o que veio a acontecer, já sem ele no comando, no ano seguinte.

Depois de alguns anos parado no mercado, o Capitão América do Grêmio na Libertadores de 1995 voltou a trabalhar no ano passado primeiro no Ceará e depois no Cruzeiro, que foi rebaixado. Ele abriu 2020 no clube mineiro, mas foi demitido antes da parada geral do coronavírus.

Comentários
Loading...

Este site Web utiliza cookies, incluindo cookies de terceiros e web beacons para melhorar a sua experiência online, permitindo-nos adaptar os nossos conteúdos para si com base nos seus interesses e nos seus hábitos de navegação. Ao continuar a utilizar o nosso site Web, você aceita a utilização de cookies e de web beacons pela nossa parte. Para obter informações sobre os cookies que utilizamos, para obter mais detalhes sobre como processamos os seus dados pessoais e para obter informações sobre como pode retirar o seu consentimento (que poderá fazer em qualquer momento), clique em ler nossas políticas Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies