fbpx

Bom dia, cara? Edilson explica como jogadores do Cruzeiro absorveram o áudio de Thiago Neves

Em meio ao turbilhão de situações negativas que envolveu o Cruzeiro de 2019, ano do inédito rebaixamento do clube, o áudio vazado de Thiago Neves ao então diretor Zezé Perrella, cobrando salários atrasados ao elenco principal, foi o que mais chamou a atenção.

A gravação vazou na véspera de uma partida em casa contra o CSA e, para piorar ainda mais a situação, o próprio meia perdeu um pênalti durante a derrota de 1×0. Nesta sexta-feira, à Rádio Gre-Nal, o ex-cruzeirense Edilson avaliou a situação:

“O áudio em si para nós jogadores foi muito normal. Houve uma cobrança do Thiago, um dos nosso líderes, para o diretor, porque ficamos 6 ou 7 meses sem receber. Ele tinha dito que ia botar tudo em dia, mas não fez nada diferente”, disse, antes de acrescentar:

“Eu dizia que ele era nosso 10, o cara que resolvia. É normal ter uma oscilação na carreira, infelizmente o ano ruim dele foi ano passado”.

No início da temporada de 2020, a pedido do técnico Renato Portaluppi, Thiago Neves foi contratado pelo Grêmio. Relembre o áudio:

Mais notícias

Comentários
Loading...

Este site Web utiliza cookies, incluindo cookies de terceiros e web beacons para melhorar a sua experiência online, permitindo-nos adaptar os nossos conteúdos para si com base nos seus interesses e nos seus hábitos de navegação. Ao continuar a utilizar o nosso site Web, você aceita a utilização de cookies e de web beacons pela nossa parte. Para obter informações sobre os cookies que utilizamos, para obter mais detalhes sobre como processamos os seus dados pessoais e para obter informações sobre como pode retirar o seu consentimento (que poderá fazer em qualquer momento), clique em ler nossas políticas Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies