Comentarista de jogo do Inter critica uso de cânticos de torcida: “Detesto”

Carlos Eduardo Lino foi o comentarista no SporTV de Inter 2x0 sobre o Aimoré nesta quarta

Ainda sem poder jogar no Beira-Rio, o Inter mandou a sua partida desta quarta-feira para o CT da base, o Morada dos Quero-Queros, em Alvorada. E, sem a torcida por conta das restrições impostas pelo novo coronavírus, decorou o estádio com faixas e bandeiras tradicionais dos colorados.

Além disso, o sistema de som estava bem “ativo” com cânticos dos colorados no momento que o time estava com a bola. Algo criticado pelo comentarista do SporTV que fez o jogo ao lado do narrador Eusébio Resende, Carlos Eduardo Lino.

“Não gosto. Detesto os cânticos da torcida emitidos na gravação do sistema de som. Eu se fosse o jogador nesse caso não iria gostar. Dificulta a conversa com o treinador na beira do campo. Prefiro um som emitido pela televisão, que aí o torcedor em casa tem a opção de escutar ou não”, opinou Lino.

Sistema de som à parte, o Inter venceu por 2×0 com dois gols de Guerrero e agora fará a semifinal do returno do Gauchão diante do Esportivo, de Bento Gonçalves. A FGF ainda confirmará a data e o horário da partida deste final de semana.

Grupos WhatsApp: Apenas para receber as últimas notícias do zona mista

Top 2

1 De 14
Comentários
Loading...

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies