Coudet elogia novo reforço, não banca volta de Dourado e já mira Gre-Nal: “Busquei no calendário”

Confira mais detalhes da coletiva de imprensa do técnico do Inter após a vitória sobre o Coritiba

Visivelmente satisfeito e aliviado com a vitória por 1×0 sobre o Coritiba, neste sábado, fora de casa, pelo Brasileirão, o técnico colorado Eduardo Coudet concedeu uma coletiva virtual de imprensa repleta de temas importantes, elogiando a chegada do zagueiro Lucas Ribeiro, pedindo paciência no retorno de Rodrigo Dourado e já pensando no próximo Gre-Nal.

Veja aqui o gol de Guerrero, que decretou a vitória do Inter sobre o Coritiba por 1×0

Sem fazer alarde, a direção encaminhou nos últimos dias a contratação de Lucas Ribeiro, de 21 anos e 1,90m, que estava no Hoffenheim, da Alemanha. O defensor ex-Vitória vai chegar por empréstimo até o final de 2021 – Coudet, no entanto, garante que ainda conta com Bruno Fuchs, embora não saiba dizer “até quanto tempo”.

“É um jogador de características que me agradam. Um zagueiro de boa altura, bom jogo com os pés. Não temos dinheiro para fazer qualquer contratação e temos que analisar bem no mercado”, disse, antes de falar de Fuchs:

“Sabemos que é um jogador que equipes de fora estão observando e que o clube precisa também vender para manter a saúde financeira. Mas sim, eu conto com o Fuchs ainda, não sei por quanto tempo”.

Paciência com Rodrigo Dourado

Alvo de curiosidade da torcida, que já gostaria de vê-lo novamente em campo, Rodrigo Dourado ainda não tem data confirmada de retorno. Ele se recuperou de duas artroscopias no joelho realizadas no período de um ano e está treinando com o grupo, sem prazo para retornar aos gramados.

“É um jogador que me encantaria ter agora, mas precisamos ser realistas. Tem que jogar quando tiver na melhor forma. Ele sabe o valor que tem para o grupo. Quando eu utilizar o Dourado, vai ser pra vocês verem o melhor Dourado. Não temos prazo”, comentou Chacho.

Dourado
Ex-capitão Rodrigo Dourado ainda não tem data para voltar a jogar -Foto: Divulgação/Inter

DE OLHO NO PRÓXIMO GRE-NAL

Sincero, Coudet disse ter buscado no calendário a data do próximo Gre-Nal logo depois da derrota de 2×0, na Arena, na última quarta-feira, que custou o título do returno do Gauchão e ampliou o jejum colorado para nove partidas sem vencer o Grêmio.

As duas equipes voltam a se enfrentar no dia 23 de setembro, no Beira-Rio, ainda pela fase de grupos da Libertadores. Dirigindo o Inter em quatro Gre-Nais em 2020, Coudet empatou um e perdeu outros três, sem nenhum gol nas partidas.

“Faço uma pergunta para vocês. Tínhamos que mudar algo para quarta-feira depois dos dois jogos que fizemos antes? Creio que ninguém mudaria. Mas não fizemos bem as coisas e não podemos voltar no tempo. Em minha cabeça, desde o outro dia, mirei o calendário e vi que 23 de setembro voltaremos a nos cruzar. Tem vezes que o futebol te dá revanches seguidas e outras vezes tem que esperar 45 dias. Mas não podemos pensar nisso e sim no que está mais perto. Passou o jogo de hoje, fizemos três pontos. Agora vamos pra casa e começar a preparar o jogo contra o Santos”, explicou.

Já com três pontos na conta logo de largada do certame, o Inter volta a campo na quinta-feira, 19h30, diante do Santos, no Beira-Rio.

Grupos WhatsApp: Apenas para receber as últimas notícias do zona mista

Comentários
Loading...

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies