Dinheiro à vista: saiba como o Grêmio planeja utilizar o recurso da venda de Arthur

Depois de dois anos no Barcelona, volante brasileiro atuará na Juventus, da Itália, a partir de setembro

Em decorrência da venda do volante brasileiro Arthur por parte do Barcelona à Juventus da Itália, em negociação de 72 milhões de euros (R$ 440,64 milhões), o Grêmio ganhará uma parte via mecanismo de solidariedade da Fifa, algo próximo de R$ 14,97 milhões.

No entanto, a direção tricolor não pensa em reverter este dinheiro na busca por novos reforços no mercado. Ainda em situação de dificuldade pela crise do coronavírus, o Grêmio focará em pagar contas e manter salários em dia.

De acordo com informações do site Globoesporte.com, “uma fonte do Conselho de Administração reforça que a ideia é usar a quantia para pagar contas e manter as demais repactuações efetuadas no período em dia”.

A expectativa do Grêmio é que o recurso de quase R$ 15 milhões entre nos cofres em até 60 dias. Arthur, contudo, só vestirá a camisa da Juventus em setembro, após a janela de transferências de agosto.

Grupos WhatsApp: Apenas para receber as últimas notícias do zona mista

Comentários
Loading...

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies