Jornalista dá detalhes da situação de Cesinha no Inter: “Não se encaixa no que Coudet deseja”

Capitão do time na conquista da Copa São Paulo de Futebol Júnior não tem sido aproveitado

Destaque e inclusive capitão do Inter no título ainda recente da Copa São Paulo de Futebol Júnior, o meia Cesinha tem futuro incerto no clube e treina em separado depois de recusar o retorno ao time sub-20 – em paralelo, não tem sido utilizado no plantel principal pelo técnico Eduardo Coudet.

Após a conquista em janeiro, o jogador até foi promovido para treinar entre os profissionais, mas não chegou a ganhar chances de Coudet e agora está bem perto de deixar o Beira-Rio para buscar novas oportunidades, como lembrou o jornalista da Rádio Gaúcha, Eduardo Gabardo, em coluna no final de semana.

“A informação que recebi é que não existe qualquer tipo de problema sobre o comportamento de Cesinha. A questão é simplesmente uma opção da comissão técnica do grupo principal. Existe avaliação que leva em conta a questão de modelo tático de jogo, além da análise técnica. Para Coudet, ainda não há espaço para Cesinha. Ele não se encaixa no que o técnico deseja”, relatou Gabardo.

Emprestado ao Inter até dezembro, Cesinha pertence ao Três Passos e tem custo de permanência no Beira-Rio de cerca de R$ 1 milhão, valor que dificilmente o clube irá investir.

Veja (após a publicidade) grupos de WhatsApp para participar.

Grupos WhatsApp: Apenas para receber as últimas notícias do zona mista

Comentários
Loading...

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies