Lembra dele? Beto da Silva aprova passagem pelo Grêmio e recorda: “Fui titular antes do Everton”

Atacante peruano teve uma discreta passagem pelo tricolor em 2017 e não chegou a ter grande sequência no time

Atualmente defendendo as cores do Alianza Lima, do Peru, o atacante Beto da Silva concedeu entrevista à imprensa peruana avaliando como positiva a sua passagem pelo Grêmio durante a temporada de 2017, onde realizou apenas 13 partidas e não encheu os olhos do torcedor.

“Grêmio tinha um grande time, mas eu cheguei da Europa. Cheguei bem fisicamente. Recordo que nessa época fui titular antes de Everton e Pedro Rocha, e rendia muito bem. Mas, na pré-temporada, tive uma lesão. Creio que foi a mais grave da minha vida, que levei quatro ou cinco meses para me recuperar”, comentou.

Na sequência, fez rasgados elogios ao principal jogador do Grêmio nos últimos anos:

“Eu vejo como está Everton. É um grande amigo meu e vejo a situação em que ele está e me alegro muito por ele. Eu, quando cheguei do PSV, me respeitavam muito. E, realmente, o treinador me usava de extrema, fazendo a ida e volta sem problemas. Mas aí me lesionei”.

Com a camisa do Grêmio, ele fez 13 jogos, sendo somente dois como titular — contra o Cruzeiro, pela Primeira Liga, e na penúltima rodada do Brasileirão, contra o Atlético-GO. Marcou um único gol, que foi na vitória sobre o Fluminense no Brasileirão. Depois disso, foi emprestado ao Argentinos Juniors e, na metade de 2018, teve o contrato rescindido com o Grêmio

Grupos WhatsApp: Apenas para receber as últimas notícias do zona mista

Comentários
Loading...

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies