Mudanças no departamento de futebol devem atender desejo da torcida do Grêmio

O Grêmio está prestes a confirmar oficialmente as saídas do vice-presidente de futebol Duda Kroeff e do diretor Alberto Guerra. Por decisões pessoais, segundo informou o site Gremistas.Net, ambos pediram o desligamento de forma direta ao presidente do clube, Romildo Bolzan.

“Ambos os dirigentes já comunicaram ao presidente Romildo Bolzan de suas saídas e, inclusive, se despediram dos jogadores. O comunicado oficial deverá ser feito ainda nesta terça-feira”, informou o site.

A saída de Duda era um desejo antigo da torcida, que, em mais de uma ocasião, se irritou com manifestações do dirigente após partidas, como por exemplo a colocação de que foi “resultado normal” a queda para o Flamengo na semi da Libertadores. Em recente protesto com faixas na Avenida Goethe, em Porto Alegre, ele também foi citado.

Duda, nas últimas semanas, já vinha dizendo que estava muito cansado.

“Vamos ver (se é o último jogo na Arena). Já não é segredo e eu tenho dito que estou cansado, com vontade de fazer outras coisas. Quero me afastar um pouco. Quem sabe se o presidente me convencer… ele e o Renato. Vamos ver”, disse na quinta-feira passada.

Reveja:

Duda estava no cargo desde 2018, quando entrou na vaga de Odorico Roman. Bolzan agora passa a buscar novos nomes. Do atual organograma, permanecem o diretor de futebol Deco Nascimento e o executivo Klauss Câmara.

Grupos WhatsApp: Apenas para receber as últimas notícias do zona mista

Se estiver lotado, tente o outro.
Comentários
Loading...

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies