“Nos devolveu o orgulho de ser gremista”, diz Bolzan sobre momento favorito da gestão no clube

Maltratado, ferido e humilhado pelos rivais, o Grêmio entrava em 2016 com mais um ano de pressão para vencer grandes títulos. A fila já durava 15 anos, isto é, desde 2001, com a própria Copa do Brasil, que o clube não conseguia grandes taças.

Por isso, o título do pentacampeonato deste mesmo torneio mata-mata é tido pelo presidente Romildo Bolzan como o momento em que os gremistas puderam retomar o seu “orgulho”:

A caminhada gremista na conquista teve vitórias sobre Athletico (nos pênaltis), Palmeiras, Cruzeiro e Atlético-MG na grande final.

“O título da Copa do Brasil de 2016, ele nos devolveu o orgulho de ser gremista”, disse Bolzan em live com o jornalista Andrei Kampff.

Aquela conquista abriu o caminho para outras glórias importantes do Grêmio de Bolzan. Já no ano seguinte, o clube faturou o tri da Libertadores. Depois ainda vieram dois Gauchões, uma Recopa Sul-Americana e uma Recopa Gaúcha.

Comentários
Loading...

Este site Web utiliza cookies, incluindo cookies de terceiros e web beacons para melhorar a sua experiência online, permitindo-nos adaptar os nossos conteúdos para si com base nos seus interesses e nos seus hábitos de navegação. Ao continuar a utilizar o nosso site Web, você aceita a utilização de cookies e de web beacons pela nossa parte. Para obter informações sobre os cookies que utilizamos, para obter mais detalhes sobre como processamos os seus dados pessoais e para obter informações sobre como pode retirar o seu consentimento (que poderá fazer em qualquer momento), clique em ler nossas políticas Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies