Presidente do Grêmio impõe condição por novos reforços e admite que vê time “sem energia” em alguns jogos

Confira mais detalhes da entrevista dada por Romildo Bolzan à TV oficial do clube

Com a reabertura da janela de transferências internacionais nesta terça-feira, a torcida do Grêmio volta a criar expectativas pela chegada de novos jogadores, mas há uma condição clara imposta pelo próprio presidente do clube, Romildo Bolzan Jr, para eventuais reforços ao plantel.

A direção, segundo ele, não buscará jogadores para “fazer número”, isto é, ou chegam em condições de disputar a titularidade ou o clube manterá o que já tem.

“Um volante, um meia e um atacante são jogadores necessários para o complemento do elenco. Vão vir? Não sei. O mercado está dificílimo. Ou é um jogador pra disputar a titularidade ou não vem”, prometeu Bolzan em entrevista à TV oficial gremista.

Sobre a preparação física da equipe, criticada recentemente sob o comando do preparador Márcio Meira, Bolzan também admitiu que sente “falta de energia” em determinados momentos:

“Essa também é uma questão da comissão técnica. E a comissão técnica é uma unidade. Internamente, o entendimento é de que a preparação física está sendo bem feita. Nós já fizemos grandes jogos, jogos médios e jogos ruins. Como dirigente, eu acredito na avaliação da comissão técnica. Eles garantem que o trabalho está bem feito e eu avalizo. Por vezes, eu também acho que estamos correndo menos. Nos falta energia em alguns momentos, mas essa é a impressão minha como torcedor”.

Em 14° com 17 pontos na tabela do Brasileirão, o Grêmio volta a jogar nesta quarta-feira diante do Botafogo, 19h15, na Arena.

Veja (após a publicidade) grupos de WhatsApp para participar.

Grupos WhatsApp: Apenas para receber as últimas notícias do zona mista

Comentários
Loading...

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies