Reformulação geral? Os cinco nomes importantes do Inter que podem sair do clube

A vitória de 1×0 diante do Botafogo, fora de casa, pelo Brasileirão, no último sábado, deixou o Inter bem perto do seu objetivo principal neste final de ano: obter a classificação para a Libertadores de 2020. Faltando dois jogos para as férias, o clube já vai se planejando para a próxima temporada e pode conviver com perdas importantes:

Nico López: o atacante uruguaio deve ser a grande baixa para a próxima temporada. O jogador, que atualmente é reserva com o técnico Zé Ricardo, é alvo de uma proposta do Tigres-MEX, em cifras que estão do agrado da direção colorada.

Patrick: não está descartada uma nova investida do Fenerbahçe, da Turquia, no futebol do jogador. Os turcos já haviam tentado a contratação em 2018, mas a negociação não avançou. No início do ano, o volante teve 25% dos direitos junto ao Monte Azul comprados pelo Inter R$ 1,5 milhão. Assim, o contrato que ia até dezembro de 2019 tem duração de mais três temporadas, indo até 2022. O colorado detém 50% do passe do jogador e tem pedida na casa dos 6 milhões de euros para abrir conversas.

Guerrero: artilheiro do Inter na atual temporada e com contrato válido até 2021, o centroavante peruano é o grande alvo do Boca Juniors para o novo ano. Apesar dos argentinos demonstrarem que não vão medir esforços para a sua contratação, a tendência de momento é de permanência, embora a entrevista pouco esclarecedora do próprio peruano no último sábado.

Danilo Fernandes: com contrato até maio de 2020, o goleiro poderá assinar um pré-vínculo com outro clube e é outro que tem futuro indefinido. As conversas para renovar com o Inter já se iniciaram, mas outros clubes – incluindo o próprio Grêmio – monitoram a situação. Desde o Brasileirão de 2018, Danilo é reserva de Lomba e a tendência é que a atual hierarquia na posição siga igual em 2020.

Edenilson: segundo informações do jornalista Alexandre Ernst, o Al-Hilal, da Arábia Saudita, deve tentar novamente levar o camisa 8 no final do ano. Entre junho e julho, os árabes fizeram proposta pelo jogador, o que forçou o Inter a renovar o seu contrato até 2022 com um aumento salarial. Ele é titular absoluto do clube desde que chegou, no primeiro semestre de 2017.

Enquetes:

Para quais setores o Inter precisa contratar?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

D'Alessandro deve ou não renovar para temporada 2020?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
Comentários
Loading...

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies

Política de privacidade e cookies