Saiba como será a nova rotina de Gabriel no Grêmio; clube não garante futuro cargo no profissional

O agora ex-zagueiro exercerá funções administrativas nas categorias de base do clube

A semana ficou marcada pela definição do novo cargo do ex-zagueiro Gabriel, fora da folha de pagamento do elenco profissional do Grêmio desde dezembro de 2019. Sem atuar desde 2013, ano da primeira lesão no joelho, ele será assessor administrativo das categorias de base do tricolor.

Assim, iniciará o sonho de trabalhar com gestão de futebol, sem, no entanto, ter a garantia do clube de que, futuramente, exercerá o mesmo cargo no time de cima. Atualmente, o profissional do Grêmio tem Klauss Câmara como executivo; antes, André Zanotta ocupava a função.

“Ele vai trabalhar na área administrativa. É um projeto de recomeço de carreira para ele. O Grêmio tem muito respeito a esse atleta por toda a sua postura. É uma oportunidade para o Gabriel desenvolver a carreira que ele escolheu como gestor do futebol. Ele quer se preparar para ser um executivo do futebol e a base do Grêmio também  é uma referência na área de gestão”, explicou Gustavo Schmitz, assessor da presidência para assuntos da base gremista, ao GaúchaZH.

No dia a dia, terá tarefas como a logística das categorias de base, trâmites de documentação dos atletas, preparação de elencos para competições, entre outras funções executivas. Ele tem 31 anos e no ano da primeira lesão, 2013, tinha 24 e acabara de chegar do Lajeadense.

Em 2014, ciente da gravidade da lesão, o Grêmio fez um contrato longo de cinco anos justamente como forma de dar total apoio e suporte para a sua recuperação. Ele, no entanto, nunca esteve nem perto, neste período, de conseguir voltar aos gramados.

Grupos WhatsApp: Apenas para receber as últimas notícias do zona mista

Top 2

1 De 14
Comentários
Loading...

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. Aceitar Ler políticas

Políticas & Cookies